Que Neymar é o melhor jogador de futebol brasileiro no momento não se tem duvidas. Ele é a nossa maior esperança na Copa do Mundo que se aproxima o jogador que pode carregar nossa Seleção nas costas. Mas, algo me deixa inquieto…

 

Em 2010, o camisa 11 do Santos protagonizou cenas que seriam o ponto de partida para seu amadurecimento: Briga com o treinador, discussão sobre cobrança de pênalti, briga com o zagueiro do Ceará, qual o atleta do Santos começou, e desabafo no Twitter. Tudo bem, essa historia fez com que o craque santista levasse esporro de todos os lados e com isso ele evoluiu e deixou de ser um “jogador mimado”.

 

 

O problema é que, três anos depois, a estrela maior do futebol nacional apronta de novo. Humilhação desnecessária contra um clube que estava sendo goleado (ele não faz isso quando o jogo está empatado), discussão com técnico declarações nunca é de arrependimento e sim de “não fiz nada”, com um apoio inacreditável da mídia, que sempre fica ao seu lado.

 

Futebolisticamente, é fato que o atacante dos cabelos esquisitos não consegue sobressair quando sai do Brasil, parece fácil deitar e rolar sobre as defesas tupiniquins, mas quando a coisa é maior ele se apaga, não dribla e acaba escondido. Mesmo aqui na América do Sul, ele sente dificuldades contra marcações mais ásperas, tira-se de exemplo à marcação do Corinthians na Libertadores ano passado.

 

 

O fato é que o atleta tem se mostrado mimado e arrogante demais, está sempre cercado de elogios e comparações absurdas (ele não seria melhor que Pelé se o rei jogasse hoje, ele não está nem perto do nível de Messi e Cristiano Ronaldo) e está sendo tremendamente protegido por boa parte da imprensa, isso ficou claro na entrevista dele quando reagiu as declarações de Nunes do Botafogo-SP e para finaliza: SEU FUTEBOL NÃO ESTÁ EVOLUINDO MAIS!

 

Talvez outra chamado no ouvido do seu pai faça-o voltar à terra mais uma vez e sobre a evolução do seu futebol, só indo para Europa mesmo, correndo o risco de ser reserva ou de acabar tendo de mudar de forma de jogar e estrutura física, é um risco, mas acho que é mais solução, por que ESSE NEYMAR DE HOJE, provavelmente vai nos levar ao desastre em 2014!




Sobre o Autor

Yan Cavalcanti, 22 anos, paraibano apaixonado por futebol desde pequeno. Graduando em Sistemas para Internet pelo IFPB, ex-aluno Marista, Estagiário da Dataprev, Goleiro ofensivo, gamer, e acima de tudo fã de um futebol bem jogado e analista da parte tática, sempre tentando arrumar uma forma de explicar uma partida de futebol.

Sobre o Blog

O Futeblog nasceu da vontade de compartilhar com o mundo minha visão sobre o futebol, espero aqui discutirmos de simples opiniões apaixonadas até questões táticas profundas, conto com ajuda de vocês para que possamos tornar esse blog uma ótima experiência fora das quatro-linhas, do passado ao presente, futeblog está aqui para que nós possamos mostrar como vermos esse esporte que é a maior paixão nacional de todas!

Enquete

Neymar está pronto para guiar a Seleção Brasileira em 2014?

View Results

Loading ... Loading ...