Especiais

 

Aê pessoal, como de praxe, em toda convocação nós tentamos acerta quem vai e quem fica. Mas como é convocação de Copa, resolvi fazer tudo em vídeo. Preparem-se para ouvir minha linda voz e sotaque #sqn. Eis o Selechute Especial de Copa.

 

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

 

E pra quem não quer ver o vídeo, meu palpite é esse:

 

Goleiros

Laterais



Zagueiros

 

Volantes

 

Meias

 

Atacantes

 

Reservas

A seleção brasileira entrou na competição com certa dúvida, o futebol havia melhorado um pouco, mas a desconfiança ainda tomava conta do torcedor brasileiro. O Brasil pegou apenas jogos difíceis e acabou se sagrando o grande campeão. O time jogou de forma organizada, consistente e ofensiva, um tapa na cara de todos aqueles que taxavam Scolari de retranqueiro.

 

Os Jogos


Brasil Brasil 3 x 0 Flag of Japan.svg Japão

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

 

Brasil Brasil 2 x 0 Flag of Mexico.svg México

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

 

Brasil Brasil 4 x 2 Flag of Italy.svg Itália

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.


 

Brasil Brasil 2 x 1 Flag of Uruguay.svg Uruguai

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.


 

Brasil Brasil 3 x 0 Flag of Spain.svg Espanha

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

 

A Equipe

 

Na Copa das Confederações, Felipão conseguiu montar um time, estabelecendo padrão de jogo e uma formação base. Ainda por cima foi favorecido pelo fato de não ter tido contusões ou suspensões, pôde repetir o time em praticamente todos os jogos e foi isso o que ele fez.

 

Armou a equipe num moderno 4-2-3-1 equilibrado, bem defensivamente, bem ofensivamente. Hulk, Oscar e Neymar fizeram corretamente a composição do meio campo, enquanto Paulinho aparecia bem, sempre que possível, na linha de ataque. Daniel Alves e Marcelo tiveram certa liberdade, mas nunca os dois ao mesmo tempo. Liberdade tal, ocasionado por Luiz Gustavo, esse sim um marcador nato e bom distribuidor, sempre pouco notado, mas muito importante.

 

Vale salientar que deu liga, o time se encaixou e finalmente mostrou algo. Foi tão bem que fica até complicado mexer no time titular. Os pedidos por Lucas foram abafados, em parte pela boa exibição de Hulk e em outra parte, pelo fraco desempenho do ex-São Paulino, que acabou perdendo a vaga de reserva para Bernard.

 

Fred começou mal a competição, muito isolado e quando aparecia uma chance, era individualista. Mas no final fez o que sabe fazer e com muito exito. Júlio César não se pode nem falar, inseguro na estreia, mostrou-se um completo líder e também fez calar os pedidos por Jefferson e Cavalieri. A zaga, intocável, o as vezes louco as vezes raçudo David Luiz se encaixou completamente com o experiente e tranquilo Thiago Silva. O geral foi muito positivo e a impressão que ficou foi muito boa.

 

Felipão

 

Fez o que melhor sabe fazer: Trabalhar sobre pressão. Não adianta a imprensa ou a torcida pedir algum jogador, Scolari é um treinador que costuma seguir suas convicções o tempo todo e, mais uma vez, deu certo. Ramires era o melhor volante brasileiro em atividade, mas mostrou falta de compromisso, assim ficou de fora e dificilmente voltará, caso de Ronaldinho, que não correspondeu em campo e também pecou no compromisso com a seleção.

 

A convicção maior de Felipão veio com Hulk, o atleta foi colocado numa posição tática que poucos desempenham, um atacante que volta até a defesa para ajudar o lateral do lado em que está jogando e ainda ataca com muita qualidade, errou alguns passes e não marcou gol, mas foi imprescindível ao esquema da equipe, algo que Lucas não consegue fazer, já que joga apenas do meio campo para frente.

 

Outra convicção que deu frutos foi a de jogar com centroavante fixo, peça pouco usada hoje em dia, Felipão manteve Fred com a 9 o tempo todo, ele começou mal, mas terminou a competição com gols importantes, carimbando vaga para cadeira cativa da seleção.

 

Jogador por Jogador

 

JEFFERSON

1. Jefferson

Não Jogou.

 

JULIO CESAR

12. Júlio César

Líder e fez defesas importantes, voltando a ser parecido com o goleiro que foi há alguns anos.

 

DIEGO CAVALIERI

22. Diego Cavalieri

Se destacou apenas pela foto da discórdia.

 

DANI ALVES

2. Dani Alves

Não atuou mal, mas não teve participação memorável em jogo algum, melhorou no aspecto defensivo.

 

15. Jean

Reserva de luxo.

 

THIAGO SILVA

3. Thiago Silva

Falhou contra o Uruguai, mas fez uma boa competição no geral, sempre calmo e bem tecnicamente.

 

DAVID LUIZ

4. David Luiz

Mostrou muita raça e caiu nas graças da torcida. Mas foi muito violento e estabanado em algumas partidas.

 

DANTE

13. Dante

Entrou em campo sempre com muita vontade, marcou um gol e não foi muito exigido.

 

REVER

16. Réver

Não jogou.

 

MARCELO

6. Marcelo

Atuou bem, não foi expulso e jogou melhor defensivamente.

 

FILIPE LUIS

14. Filipe Luís

Não jogou.

 

FERNANDO

5. Fernando

Jogou apenas uma partida, pouco fez.

 

HERNANES

8. Hernanes

Reserva número 1 de Felipão, entrando sempre com qualidade de toque e bons chutes de longe.

 

LUIZ GUSTAVO

17. Luiz Gustavo

Mesmo quase invisível em campo, foi fundamental na conquista. Homem base do meio campo, fez corretamente a cobertura dos dois laterais e a função de terceiro-zagueiro.

 

PAULINHO

18. Paulinho

Alguns jogos muito preso, mas se soltou com o decorrer das partidas e terminou sendo um dos melhores da competição.

 

LUCAS

7. Lucas

Foi mal sempre que entrou, perdeu espaço.

 

OSCAR

11. Oscar

Brilhou pouco, deu passes precisos mas desaparecia em algumas partidas. No final fez uma competição razoável.

 

BERNARD

20. Bernard

Colocou fogo sempre que entrou, mudando as partidas. Pode ter ganho a vaga de primeiro reversa no meio campo.

 

JADSON

23. Jádson

Entrou pouco tempo e fez o que sabe, circular e distribuir, mas nada demais.

 

FRED

9. Fred

 

Começou medianamente a competição, parecia estar em outro mundo. Mas quando o cerco apertou ele apareceu e foi decisivo, típico centroavante.

 

NEYMAR

10. Neymar

 

Melhor do torneio e ponto final!

 

HULK

19. Hulk

 

Jogou bem, foi participativo e brigou o tempo todo, importante defensivamente e ofensivamente, deve ter ganho cadeira cativa.

 

JO

21. Jô

 

Se movimentou bem e marcou gols de oportunista, entrou na briga para uma vaguinha para a Copa.

 

A Copa das Confederações chegou ao final, com uma vitória esmagadora e surpreendente da seleção brasileira sobre os favoritos espanhóis. Futebolisticamente falando, a Copa fez com que a seleção pudesse ter tempo para treinar, virar time se entrosar e, finalmente, se unir. Felipão mais uma vez não deu ouvidos aos clamores populares por Ronaldinho e Lucas e mais uma vez fez o correto.

Extra-futebolisticamente, a Copa foi pano de fundo para o despertar do povo brasileiro, ter uma Copa do Mundo aqui não é ruim, o problema são gastos excessivos desnecessários, mas vale salientar que a maior parte do dinheiro é gasta em obras que melhorariam as cidades, só um quarto de todo dinheiro gasto foi para os estádios.

Vamos dividir o Especial Copa das Confederações em quatro partes: Futebolisticamente, Seleção Brasileira, Estrutura e Organização de competição e extra-futebol (Clamor popular por melhorias no país)

 

A Competição


Com exceção do nobre Taiti, a competição teve um nível alto. Por exemplo, o Brasil enfrentou Japão, México, Itália, Uruguai e Espanha, uma sequencia de respeito, qual dificilmente veremos numa Copa do Mundo, muito embora o Uruguai não esteja tão forte como outrora e a Itália tenha perdido meio time no decorrer da competição o nível técnico dos jogos foi aceitável. Tivemos jogos empolgantes, belos gols e bons jogadores.

 

Arbitragem


A arbitragem não foi excelente, mas não comprometeu. Mesmo assim, o único lance mais polemico em que foi necessário usar a tecnologia do Hawk Eye foi simplesmente para saber de que foi o gol marcado pela Itália na decisão de terceiro lugar. Com exceção de Lugano e Sérgio Ramos, as partidas foram disputadas com lisura, sem pontapés excessivos.

 

Equipes

 

Brasil Brasil – Próximo Post

Flag of Spain.svg Espanha – Mostrou sua classe na primeira fase, mas penou demais na fase final.

Flag of Italy.svg Itália – Foi apenas regular durante a competição, tem uma equipe envelhecida e contou com problemas de lesões, terminou deixando uma boa impressão.

Flag of Uruguay.svg Uruguai – Sem a raça de antes e desentrosado. Mexeu demais no decorrer do campeonato e não conseguiu achar um armador.

Flag of Japan.svg Japão – Fez boas partidas, mas acabou sendo eliminado pelos deuses do futebol. Pode ser uma boa surpresa na Copa do Mundo.

Flag of Mexico.svg México – Jogou mal demais, Chicharito sequer apareceu.

Flag of Nigeria.svg Nigéria – Fez o que podia, terminou vacilando contra o Uruguai e por isso ficou de fora da fase final.

Flag of French Polynesia.svg Taiti – Uma Lição

 

Melhor Partida:

Itália Flag of Italy.svg 4 x 3Flag of Japan.svg Japão

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

 

Gol mais Bonito

Neymar vs Japão

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

 

Melhor Jogador

Neymar


Dream Team

A


 

B

Perder um pênalti nunca é legal. Mas ser lembrado para sempre por uma lambança na marca da cal deve ser a pior sensação de todas. Nesta lista veremos os piores e mais vergonhosos lances em cobranças de penalidade máxima, lembremos que já fizemos a lista das melhores cobranças de pênalti.

 

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

 

7. Roberto Baggio (Itália – 1994)

 

Isolar da marca do pênalti não é nada agradável, imagine quando esse chute dá a taça para a equipe rival, foi o que aconteceu com Roberto Baggio na Copa de 1994, considerado o melhor jogador do mundo ele fraquejou e mandou a bola para os ares na ultima cobrança.

 

6. William (Botafogo – 2006)

 

Nada como deslocar o goleiro e chutar a bola fraquinha no meio do gol, não é? Djalminha e Marcelinho Carioca eram experts nesse tipo de lance, e deve ter sido neles que William se inspirou, porém chutou muito fraco e deu chance para que o goleiro Diego do Fluminense voltasse e pegasse fácil a bola. Resultado? Fluminense classificado para a próxima fase da Copa Sulamericana.

 

5. Léo Rocha (Treze – 2012)

 

Aquele que inspirou a criação do post, Léo Rocha abusou! O Treze estava quase sendo eliminado, mas Beto defendeu a cobrança de Loco Abreu e deu uma sobrevida ao Galo da Borborema. Bastava à Léo Rocha converter a cobrança e levar para as cobranças alternadas, porém, Léo Rocha exitou um momento e cobrou no estilo do cobrador anterior, cavadinha mas no lado em que Jefferson saltou. Cavadinha no lado? Paciência né!  Jefferson defendeu com uma tapa e saiu para tirar satisfação do atacante da equipe paraibana. Mas ele teria se consagrado se tivesse cobrado a cavadinha no meio do gol.

 

4. David Beckham (Inglaterra – 2004)

 

Beckham é um dos melhores cobradores de bola parada, mas ele coleciona alguns lances equivocados em cobranças de pênalti, este o maior deles. Jogando contra a Turquia, e bola na marca da cal, quando ele chegou à bola o pé de apoio foi embora e ele chutou muito por cima do gol.

 

3. Pires & Henry (Arsenal – 2005)

 

Na nossa lista das melhores cobranças de pênalti a cobrança vencedora foi cobrada em dois toques pelo gênio Cruyff, por certo Thierry Henry e Pires devem ter visto este vídeo e foram tentar copia-lo. Mas ficaram muito longe do gênio da bola, Pires foi displicente e não conseguiu passar a bola para Henry e tudo terminou num bisonho e bizarro lance.

 

2. Amir Sayoud (Al Ahly – 2011)

 

Como citamos acima, a paradinha é um meio eficaz de descobrir aonde vai o goleiro para que possamos acertar o lado oposto. Diferentemente do Botafoguense William, o argelino Amir Sayoud parou uma, duas e o goleiro não se mexeu, quando ele foi chutar era tarde, caiu de cara no chão protagonizando um lance vergonhoso. Amir provavelmente será lembrado pelo resto da vida por esse lance.

 

1. Peter Divine (Lanceste City – 1991)

 

Sem dúvidas o pior pênalti da história do futebol. Peter Divine já aposentado do futebol profissional estava jogando pelo Lancester City na Copa da Liga da 7ª Divisão da Inglaterra. Campo irregular ajudou Divine a cambalear e ao chutar acabou pegando a bola de totalmente mal jeito, a bola tocou no outro pé do jogador e nem chegou na pequena área e ele ainda saiu mancando, arrumando uma desculpinha mal-trapida para esse lance ridículo.

 

O Top 7 é um quadro do Futeblog onde o próprio nome o explica. Escolhemos um tema e selecionamos os melhores vídeos ou fotos sobre ele. O tópico desta edição é “Melhores gols de pênalti”. Sem mais delongas vamos aos vídeos

 

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

descrição_da_imagem

Pra quem notou que o blogue passou por período sem postagens e este foi o motivo: O Programa Taticamente Falando!

O programa Taticamente Falando é uma variação em vídeo da coluna Prancheta do Yan, nele será abordado o futebol com foco na estratégia das equipes. E para começar, nenhum convidado mais especial que ele: Oliveira Canindé, treinador do Campinense na conquista da Copa do Nordeste.

No programa, eu tento desvendar os mistérios da formação da equipe que deixou muitos adversários, e especialistas, com duvidas sobre o real modo de jogar da equipe rubro-negra na competição. Assista comente e participe!

 

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.



Sobre o Autor

Yan Cavalcanti, 22 anos, paraibano apaixonado por futebol desde pequeno. Graduando em Sistemas para Internet pelo IFPB, ex-aluno Marista, Estagiário da Dataprev, Goleiro ofensivo, gamer, e acima de tudo fã de um futebol bem jogado e analista da parte tática, sempre tentando arrumar uma forma de explicar uma partida de futebol.

Sobre o Blog

O Futeblog nasceu da vontade de compartilhar com o mundo minha visão sobre o futebol, espero aqui discutirmos de simples opiniões apaixonadas até questões táticas profundas, conto com ajuda de vocês para que possamos tornar esse blog uma ótima experiência fora das quatro-linhas, do passado ao presente, futeblog está aqui para que nós possamos mostrar como vermos esse esporte que é a maior paixão nacional de todas!

Enquete

Neymar está pronto para guiar a Seleção Brasileira em 2014?

View Results

Loading ... Loading ...